CONTROLE INTERNO

LEGISLAÇÃO


ITIPREV

INFORMATIVO

Itiquira encerra campanha contra o abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes

DSC_6117 (Large)A Secretaria de Assistência Social, encerrou no dia 25 de maio na Escola Municipal Santo Antonio do Paraíso, a campanha de combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolescentes. Do dia 15 ao dia 25 foram várias ações com a participação da Secretaria de Educação, Conselho Municipal da Criança e Adolescente, conselho Tutelar e Ministério Publico.

O principal objetivo foi a divulgação do Disque 100 como uma importante ferramenta que está disponível à população para receber denúncias de forma anônima, além de mobilizar a sociedade no engajamento pelos direitos de crianças e adolescentes e na luta pelo fim da violência sexual.

DSC_5110 (Large)Um dos destaques da programação foi o teatro realizado realizado pelo Núcleo Teatral de Itiquira , com a peça “Abuso Não” chamou atenção do público para que não fique calado diante dos casos, que a própria vitima deve denunciar,  o que culminou com a prisão do agressor .

Para o Técnico de Referência da Assistência Social  André B. Araujo – Psicólogo, que realizou importantes palestras, as ações do 18 de maio representam a nível nacional um importantíssimo conjunto de esforços orientados para a sensibilização de crianças e adolescentes, para a questão da violência de seus DSC_6121 (Large)direitos sexuais, que em linhas gerais, significa, não ter seu corpo e consequentemente sua sexualidade que ainda estão em desenvolvimento, interrompidos por alguém mais velho ou um adulto, em situações abusivas que envolvem o uso do poder/força. “Neste Sentido, a informação mostra-se uma arma significante na prevenção de situações abusivas e no enfrentamento de casos que já estejam ocorrendo, já que as palestras e o teatro, no caso dos mais pequenos, possibilita as crianças pensar, adquirir conhecimento nesse campo dos direitos sexuais” pontuou.

De acordo com a Assistente Social Fernanda de Melo,  as ações realizada neste período DSC_6172 (Large)mostra o comprometimento dos setores e órgãos envolvidos, de levar a proposta do “18 DE MAIO” mobilizando, sensibilizando e convocando toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos sexuais de crianças e adolescentes. “É preciso garantir a toda criança e adolescente o direito ao desenvolvimento de sua sexualidade de forma segura e protegida, livres do abuso e da exploração sexual” enfatizou.

 


Todas as matérias podem ser reproduzidas, desde que citadas as fontes. As fotografias, além da fonte, devem ser creditadas com o nome do autor.